Dificuldades

Figura 20 Principais dificuldades assinaladas pelas associações (%)

N = 72
 
 
Quanto às dificuldades vividas pelas associações (Figura 20), e de salientar que a maioria das respostas (64%) refere as dificuldades económicas e a falta de recursos financeiros como um dos principais problemas sentidos. Se se somar a este valor os 6% que referem o problema do pagamento de quotas irregular e os 10% que referem a falta de apoios públicos (que poderá corresponder, embora não necessariamente a falta de apoios financeiros) e ainda os 15% que indicam problemas a nível de instalações e equipamentos (o que também poderá derivar de dificuldades financeiras). Os problemas relativos aos recursos humanos das associações surgem logo em seguida, com 28% dos inquiridos a referir o problema da falta de Recursos Humanos, 18% a mencionar a falta de associados e a dificuldade na captação de novos associados e 15% a salientar o pouco envolvimento dos associados.
Neste domínio há que destacar as associações de cultura científica que apontam com mais frequência dificuldades financeiras (71%), de equipamento/instalações desadequadas (31,3%) ou de falta de apoios públicos (23,5%). Por outro lado, estas associações não apresentam como dificuldade a angariação de novos sócios ou o número reduzido dos mesmos, que é referida por 21,6% das associações disciplinares e por 40% das associações de profissionais. É ainda interessante notar que é entre as associações de maior dimensão que mais se sentem dificuldades a nível financeiro, que são apontadas por 78% das associações com 500 ou mais associados.
 
Comments